terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Nega Véia está preso em São Lourenço


O ex-prefeito de São Lourenço nas administrações 1997-2000 e 2001/2004, Clóvis Aparecido Nogueira, mais conhecido por Nega Véia, foi preso ontem na casa em que residia em Caraguatatuba - SP. A prisão foi efetuada por uma equipe da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil composta por três agentes e um delegado da Polícia Civil. Conforme noticiado não houve resistência por parte do ex-prefeito Nega Véia. Os agentes policiais permitiram que ele tomasse banho e se preparasse para enfrentar a viagem para São Lourenço. Ele não é tido como perigoso e por isso o tratamento "diferenciado".
Nega Véia chegou a São Lourenço às 16:45 horas de ontem (28/01). Ele não veio algemado e assim que chegou à 3ª DRPC foi apresentado ao delegado regional, Dr. Luciano Belfort. Nega Véia passou por exames médicos. O Chefe da promotoria de Justiça da Comarca de São Lourenço, Dr. Pedro Paulo Barreiros Ainá esteve na delegacia, mas não se sabe sabe se foi pelo motivo da chegada de Nega Véia. Cumprido o protocolo, Nega Véia foi encaminhado ao presídio de São Lourenço.
A Vara Criminal da Comarca de São Lourenço informou na manhã de hoje que o ex-prefeito Nega Véia foi preso por condenação em dois processos: No dia 28/04/2011 transitou em julgado uma ação criminal que teve origem em Cristina no dia 05/06/2006. Neste processo consta que Nega Véia teria desacatado uma funcionária da Vigilância Sanitária da Prefeitura de Cristina. A sentença foi decretada em 24 de março de 2008 e ele foi condenado a 10 meses de prisão em regime aberto.
A segunda sentença e que teria motivado a prisão de Nega Véia é a de não repassar contribuições previdenciárias ao IPSEMG. Foram oito enquadramentos no artigo 168A do Código Penal que decretou a pena de três anos e seis meses. O total das condenações renderam a pena de quatro anos e quatro meses.
Nega Véia está recolhido no pavilhão dos presos em regime semi-aberto pois é um preso que está na faixa de mais quatro e menos de oito anos de prisão. Segundo conversas com advogados que preferem não se identificar, Nega Véia deverá agora ganhar a confiança do juiz criminal para poder trabalhar durante o dia e dormir na penitenciária da cidade. Isso não deve acontecer antes dos três primeiros meses de reclusão. O presídio de São Lourenço possui as três possibilidades de cumprimento de pena ou seja, regime aberto, semi-aberto e fechado. 
A direção do Presídio de São Lourenço informou agora cedo que Nega Véia passou bem sua primeira noite. Ele está com problema de pressão alta e está sendo medicado. Ele alega problemas com dores nas costas, mas ainda passará por avaliação médica. Ele está numa cela do pavilhão semi-aberto com mais 18 presos. A cela tem capacidade para 20 presos. As informações dão conta ainda que todo mundo o recebeu muito bem, por se tratar de pessoa muito querida. 

6 comentários:

  1. Tanta gente perigosa precisando ir preso, nao vai ne? mais esse tipo de gente a justiça do Brasil nao tem coragem de ir atras, afff,,, isso é nosso pais. Eu torço para que o nega veia consiga dar a volta por cima e qdo Deus der a oportunidade a ele, ele nao confie mais nos "ratos" que ele confiou pois fizeram e qdo viram o navio afundando abandonaram o barco.

    ResponderExcluir
  2. Saiba mais sobre o Caso Nega Véia neste link: http://www.opopular.net/2013/01/preso-nega-veia-afirma-que-estava.html

    ResponderExcluir
  3. Tem crime que não aparece mas é pior que um assassinato em maça, principalmente crime politico que provoca mortes por falta de estrutura pessoal, material e medicinal na saúde, a falta de combate as drogas que causa muitos assassinatos, os latrocínios, o assassinato da cultura, o assassinato da educação, o assassinato da falta de Emprego e por ai vai, se existe a lei que pune estes crimes e porque eles fazem muito mal a população, e tem pessoas que defendem eles mesmo por não ter conhecimento ou ignorância e outros ate por conveniências, estes também tem que ser punido.

    ResponderExcluir
  4. concordo plenamente com o colega acima tantas pessoas q deveriam ser presar e estão ai na rua viciando o filho dos outros aff isso é Brasillllllllll

    ResponderExcluir
  5. Os comentários particulares foram deletados do blog... Respeitem um a dor do outro. O espaço é para análise da notícia e não para lavagem de roupa suja. Peço que respeitem o espaço que é dividido com outros leitores.
    Obrigado!
    Jodil Duarte

    ResponderExcluir